Blog Investimento Futebol

Júlio César se despede dos gramados

A segunda rodada do Campeonato Brasileiro foi especial para o goleiro Júlio César, que depois de muitos jogando em várias equipes do futebol mundial, resolveu então se aposentar dos gramados. Para esta despedida ser ainda mais importante e emocionante, o goleiro escolheu o Flamengo para fazer sua última apresentação.

Ótimo desempenho

Mesmo com trinta e oito anos e sem entrar em campo a vários meses, Júlio Cesar retornou em grande estilo, colaborando muito para o Flamengo vencer o América Mineiro pelo placar de 2X0. Ao longo da partida o goleiro fez defesas realmente importantes, mostrando reflexo, tempo de jogo, posicionamento e agilidade, deixando claro que se quisesse poderia até continuar atuando em grandes clubes, pois ainda está em um nível superior a muitos outros goleiros do futebol brasileiro. Apesar do bom desempenho, Júlio César deixou claro que chegou o tempo de se dedicar mais para sua família, dando mais atenção para o seu casamento e para seus filhos.

Palavras do jogador

“Hoje, foi um misto de emoções. Dizer que não pensei e que não voltei no passado seria hipocrisia da minha parte. Encerrar no Maracanã, esse símbolo do nosso futebol, onde tudo começou para mim, é motivo de muito orgulho. Em relação imaginar o quanto sou querido, não passa pela minha cabeça. A gente não faz a mínima ideia, é complicado. Às vezes, eu falo que não mereço tanto. Só posso agradecer a torcida que veio prestigiar. Foi uma aventura incrível, sensacional e fechei meu livro escrevendo um capítulo importante com essa última partida no Maracanã”.

Além destas palavras, Júlio César ainda protagonizou vários outros bons momentos, como por exemplo, quando abraçou o zagueiro Juan e ambos choraram, relembrando toda a trajetória juntos e de quando começaram no Flamengo na década de noventa. Júlio César ainda recebeu grande carinho da torcida, além de jogadores adversários, comissão técnica e vários jornalistas. Sua carreira termina cercada de carinho e respeito, além de muita competência, como nos tempos em que foi considerado por muitos o melhor goleiro do mundo, quando jogava pela Inter de Milão.

Artigos Recomendados

Compartilhe

Artigos Recomendados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *