Blog Investimento Futebol

Diferença do Trading Esportivo e Pirâmide

trading esportivo

Você sabe qual é a diferença entre o trading esportivo e a pirâmide? Hoje, eu vou contar sobre os principais pontos de destaque de cada um, para que assim você tenha uma visão geral sobre esse tipo de trabalho.

As 4 formas de ganhar dinheiro

Inicialmente, vamos entender as diferenças entre empregado, dono, autônomo e investidor. Para isso, vou usar o conceito do Robert Kiyosaki, autor do livro “Pai rico, Pai pobre”. De acordo com ele, existem quatro formas de ganhar dinheiro de maneira lícita, todas estão dispostas no “quadrante da riqueza”.

De modo geral, a primeira forma — e a mais comum também — é sendo um empregado. Ou seja, você vende o seu tempo e o seu trabalho em troca de um salário. A segunda forma é você ser o dono de um negócio. Nesse caso, tem-se uma empresa e empregados que trabalham para você. A terceira forma, por sua vez, é ser autônomo, você é o seu próprio patrão e pode ter colaboradores. Nesse caso, o profissional tem sua própria liberdade, mas não tem direito a férias, décimo terceiro salário e outros direitos trabalhistas.

A última forma é ser um investidor. Nesse caso, você coloca o dinheiro em algum investimento e depois obtém os lucros. Um bom exemplo dessa modalidade é quando uma pessoa coloca uma casa para alugar. Assim, o inquilino gerará uma renda para ela.

Mas, e então? Em qual parte do quadrante o trading esportivo está? Muitas pessoas pensam que ele é um investidor. No entanto, ele está na categoria de autônomo, visto que o profissional é o seu próprio patrão, mas precisa trabalhar para fazer renda.

Como abrir o próprio negócio ou investir sem ter dinheiro?

Nesse caso, o mais recomendável é começar sendo um empregado ou autônomo, juntar dinheiro e depois investir nas outras modalidades. Particularmente, e sem querer fazer o famoso “jabá”, a melhor forma que eu conheço para ser um dono de negócio ou investidor é com o trading esportivo.

Para você viver como investidor colocando, por exemplo, o seu dinheiro no banco e vivendo de juros, seria preciso centenas de milhares de reais. Agora, para investir no trading esportivo, bastam algumas centenas de reais.

Quais são os benefícios de ser um trader esportivo?

Existem inúmeras vantagens de entrar para essa área. Vou listar as principais:

  • você trabalha com algo que gosta de fazer;
  • ganha o que realmente merece de acordo com o quanto se dedica;
  • não tem patrão;
  • você decide em quais jogos e quais horários quer trabalhar;
  • dá para trabalhar de casa, economizando o tempo que seria gasto em locomoção e trânsito, entre outros.

Marketing Multinível x Pirâmide

Encontro muitas pessoas que me falam que não gostam do marketing multinível e muito menos da pirâmide. No entanto, eles são bem diferentes. O grande problema é que quem faz a pirâmide costuma se apresentar como multinível. Mas, a diferença básica é que no multinível o foco é especialmente no produto. Então, você ganha uma comissão quando vende um produto para um cliente. Já na pirâmide o profissional se preocupa em trazer mais gente, tirando o foco do produto.

Quem trabalha com pirâmide costuma afirmar que quanto mais dinheiro tiver para investir, mais fácil será obter lucros. O que é um grande mito! Outro ponto de atenção é que as pessoas que trabalham com pirâmides costumam tirar falsos prints na Betfair para provar que são bons. Alguns, inclusive, usam o simulador de software. Portanto, fique sempre atento a isso!

Agora que você já sabe as diferenças entre o trading esportivo da pirâmide, conheça os 7 termos do trading esportivo mais usados por especialistas!

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *