Blog Investimento Futebol

Messi conquista mais uma vez a Chuteira de Ouro

Pela quinta vez o argentino Messi conquista a Chuteira de Ouro, repetindo o feito das temporadas de 2009/10, 2011/12, 2012/13 e também 2016/17. Desta forma Messi é o maior vencedor deste prêmio, seguido por Cristiano Ronaldo, que venceu quatro vezes.

Regras da premiação

Os gols marcados nos campeonatos da Alemanha, Inglaterra, Espanha, França e Itália valem dois pontos. Porém os gols marcados nos campeonatos da Áustria, Bélgica, Bulgária, República Tcheca, Croácia, Escócia, Grécia, Holanda, Israel, Noruega, Polônia, Portugal, Rússia, Sérvia, Suíça, Turquia e Ucrânia valem um ponto e meio. Em todas as outras ligas, cada gol vale apenas um ponto.

Desempenho de Messi e seus principais concorrentes

Messi fez trinta e quatro gols, totalizando sessenta e oito pontos. O egípcio Mohamed Salah liderou a Chuteira de Ouro por longo tempo, marcando muitos gols no campeonato nacional e conquistando a artilharia do Campeonato Inglês, mas Messi assumiu a liderança na reta final e conquistou mais uma vez o prêmio. Na terceira posição está outro jogador que disputa o Campeonato Inglês, Harry Kane, que defende o Tottenham. O português Cristiano Ronaldo, terminou na oitava posição, marcando vinte e seis gols e ficando bem atrás de Messi. Curiosamente o brasileiro Jonas marcou a mesma quantidade de gols de Messi, porém como já foi explicado, os gols do Campeonato Espanhol são multiplicados por dois e os gols do Campeonato Português são multiplicados por um gol e meio, portanto Jonas que é jogador do Benfica ficou atrás do craque argentino. Este prêmio é muito importante e desejado por todos os jogadores, portanto Messi mais uma vez mostrou seu talento, fazendo com que seus gols ainda tivessem grande importância para o Barcelona conquistar o Campeonato Espanhol e também a Copa do Rei. Tudo isto também é importante para o argentino continuar sonhando com a bola de ouro, já que sempre é favorito e acaba ficando entre os primeiros colocados.

Artigos Recomendados

Compartilhe

Artigos Recomendados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *