Blog Investimento Futebol

Conhecendo o Trading Esportivo – O que é Scalping ?

o que é scalping

Você já sabe que conhecer bem o seu mercado de atuação profissional é essencial para conquistar o sucesso. No trading esportivo não é diferente!

Saber reconhecer o melhor momento para investir (comprar ou vender ações), ler as odds, entender o que é scalping, desvendar as técnicas mais precisas de análise esportiva, entre tantos assuntos, são objeto de estudo de centenas de pessoas que buscam sucesso como trader.

Mas você deve estar se perguntando: “Juliano, até hoje não ouvi você falar sobre scalping?”

Não seja por isso! Vamos falar agora!

Você sabe o que é scalping?

O termo scalper nasceu na economia e denomina os investidores que ficam na mesa de operações em busca – e entenda por buscar o ato de garimpar – oportunidades de curto prazo.

Portanto, o scalping nada mais é do que a ação de comprar e vender ações em curto prazo. “Exatamente o que faz o Trade esportivo, Juliano?”

Bom, a resposta é um pouco mais complexa do que um simples sim ou não!  Para o trading esportivo, scalping é apenas uma das dezenas de técnicas que podem ser usadas pelos traders na hora de realizar seus investimentos.

Scalping no trading esportivo

Se scalping é o ato de investir em curto prazo, para os traders ele significa realizar Back e Lay com pequenas diferenças nas odds (normalmente dois ticks apenas). Dessa forma, o profissional consegue lucro instantâneo.

Recapitulando

Back: aposta a favor (também chamada de venda)

Lay: aposta contra (também chamada de compra)

Para exemplificar, vamos imaginar que você realize um Lay a 1.50 e um Back a 1.40. Isso significa que você comprou por um preço menor e vendeu por um maior, tendo um pequeno lucro!

O trabalho do trader que realiza scalping é fazer isso várias vezes em uma partida e assim sair com mais dinheiro na banca do que entrou.

Essa modalidade de investimento é normalmente realizada durante o intervalo ou uns minutos antes da bola rolar. Dessa maneira, os traders fogem das oscilações bruscas realizadas durante uma partida quando acontece, por exemplo, a expulsão de um jogador, gol sofrido ou faltas perigosas.

Aliás, é para evitar essas oscilações que o scalper prefere realizar toda compra e venda em espaços curtíssimos de tempo!

Agora que você já sabe o que é scalping, aproveite para descobrir quais softwares de trading esportivo (linkar artigo 67) podem te ajudar a dominar o mercado de Investimento Futebol!

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *